quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Onde está Deus?


Procurei dentro do meu bolso e não O encontrei.
Fui lá embaixo da escada e Ele também não estava lá!
Também não estava na voz do povo.
Lembram que a multidão gritou Hosana?
E dias depois gritou: crucifica-O!!!!
Será que Ele está no desespero dos sem teto
que esperam anjos que aparecem nas madrugadas frias
com sopa quente e cobertores?
Será que Ele está nos olhares das crianças que buscam
sobreviver catando comida nos lixões?
Será que Ele está na agonia das mulheres vítmas de violência
e que vivem presas a uma submissão doentia?
Será que Ele está no meio das prostitutas, que cada
vez são mais meninas e que tiveram seus sonhos roubados?
Será que Ele está ao lado do jovem vacilante, que teme não ser aceito
pelos que o rodeiam?
Será que ele está na intolerância dos seres humanos?
Será que Ele está no horizonte das lentes do Hobble?
De uma coisa não podemos fugir:
Ele preferiu a nossa companhia, como disse o poeta.
Ele é tudo em todos (Cl 3. 11).

2 comentários:

Facundo disse...

Massa demais mestre Wendel!

Como sempre com uma profundidade dignas de seu pensamento. E de minhas profundas reflexões após lê-los!

Obrigado por compartilhar esta sua inconfundível sensibilidade!

:-)

Diego Cosmo disse...

"se o dedo de Deus aponta não posso fazer de conta que quem sofre é feliz, o olho de Deus é mágico, espanta tudo que é trágico mas só chora por amor..." (G. Azevedo)

Sempre achei que amor e justiça andam intimamente entrelaçados, a realidade só me faz crer mais nessa idéia.